A importância de um plano e porquê planear a 90 dias?

A importância de um plano e porquê planear a 90 dias?


Quantos empresários têm um plano, escrito, para as suas empresas?

Alguns dirão que não têm um plano, outros que têm um plano na sua cabeça e os que realmente têm um plano, escrito na grande maioria das vezes, têm-no bem guardado e apenas uma vez por ano verificam se está a ser cumprido. E frequentemente o plano não está a ser cumprido e por isto desvaloriza-se a importância do planeamento num negócio e mesmo na vida.

Estou a falar de “comer um elefante, um pedaço de cada vez”, de tornar uma visão num objetivo concreto e em tarefas exequíveis. Esta é a base para chegar onde nos propomos, nos negócios e na vida.

Portanto para além de ser fundamental entrar em ação com um fim em mente, como Stephen R. Covey, escreve no seu livro “Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes” é também basilar ter uma noção clara do destino e particularmente do caminho para lá chegar.

Se queremos estabelecer objetivos e atingi-los é elementar que tenhamos um plano de curta duração (90 dias) baseado em objetivos mais a longo prazo (idealmente 3-5 anos).

Planear o ano inteiro é uma perda de tempo por vários motivos:

  • Existem imensas alterações, que ocorrem durante o ano, difíceis de prever à data de elaboração do plano;
  • Planear um ano inteiro pode ser desgastante e levar muito tempo;
  • Na grande maioria das vezes 4 a 6 meses depois de o plano ter entrado em vigor já ocorreram tantas alterações no mercado, seja porque se perdeu um cliente chave ou porque se ganhou outros fundamentais para o negócio, ou até mesmo por condicionalismos externos que afetaram a empresa que há necessidade de refazer o plano alguns meses depois.

 

Portanto munidos com os objetivos a 3-5 anos e com os objetivos do ano em mente certifique-se que tira um dia antes do início de cada trimestre para planear.

 

Elementos chave para cada ciclo de planeamento a 90 dias:

  • Rever os objetivos de longo prazo e decidir quais os elementos a trabalhar no trimestre seguinte;
  • Definir 3 a 5 objetivos, dos quais metade devem ser orientados para gerar dinheiro;
  • Foco em objetivos diretamente relacionados com aumento do lucro;

  • Cada objetivo deve ser: específico, mensurável, atingível, relevante e definido no tempo (SMART).
  • Os 3-5 objetivos finais devem ser subdivididos em 3 objetivos intermédios e cada um destes em 5 tarefas.
  • Todos os objetivos finais devem ter uma pessoa responsável e uma data limite de concretização.
  • Toda a equipa deve ser envolvida e incluída na concretização de cada objetivo.
  • Repetir este processo antes do início de cada trimestre.

 

Com este nível de detalhe e foco todos os 90 dias, a grande maioria dos negócios atinge mais objetivos num ano que alguma vez imaginaram!

Por este motivo é que a ActionCOACH reúne os seus clientes a cada 90 dias num workshop de 1 dia dedicado a planear o trimestre seguinte. Para além de ser um dia produtivo a planear, é também uma excelente oportunidade de networking e para partilhar experiências com outros empresários.

Não se esqueça que falhar o planeamento é planear falhar!

 

Susana Costa
Business Coach

Categorias

Gestão do Negócio

Partilhe esta história, Escolha a sua plataforma!


Contacte-nos

ActionCOACH Portugal

The Worlds #1 Business Coaching Firm 

Geral
+351 217 217 400

Lisboa

Centro de Escritórios das Laranjeiras
Praça Nuno Rodrigues dos Santos 7A
1600-171 Lisboa

+351 93 288 82 28 ou +351 915 090 648  

Porto

Rua Padre Himalaia, 50F Escritório 9, 4100-553 Porto

+351 912 165 345  ou +351 226 170 935

portugal@actioncoach.com

Redes sociais

Encontre-nos no



Partilhe a ActionCOACH no

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter


Links

Buy 1 Give 1 - Business Coaching